Entrada Atividades Clube de Leitura Clube de Leitura - Janeiro de 2020

Menu Principal

Sugestões do Mês

escritor escrevendo

Autor

livres-05 

Livro

opinião

Opinião

bandes-07 

Filme

musica

Música

Horas

Em cima do acontecimento

« < Fevereiro 2020 > »
S T Q Q S S D
27 28 29 30 31 1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 1

Bibliotecas nas Redes Sociais

facebook     twitter

Centenário do Concelho

centenario SBA logo

 

bibliodigital

Projetos e Programas

ler logo

 

conta-nos uma  historia logo

 

portal das escolas logo

 

seguranet

Visitantes online

Publicidade

Faixa publicitária

Parceiros


 
Alojamento ESJBV ESJBV
Clube de Leitura - Janeiro de 2020
terça-feira, 28 janeiro 2020 10:07

clube de leitura
Uma prece ao mar31 de janeiro | 16h00 | Sala João Belchior Viegas

"Uma prece ao mar" de Khaled Hosseini

No mês dedicado à paz, selecionamos para leitura a obra do afegão Khaled Hosseini, "Uma prece ao mar".

Para escrever este livro, este autor inspirou-se na imagem assombrosa de Alan Kurdi, o menino sírio de três anos, cujo corpo apareceu na praia da Turquia, em setembro de 2015.

Sobre o livro:

Numa praia iluminada pelo luar, um homem embala no colo o filho que dorme. Juntos esperam pelo amanhecer e pela chegada de uma embarcação.

O pai narra ao filho as memórias dos longos verões da sua infância, recordando a casa da quinta do avô, na Síria, o sussurro dos ramos das oliveiras agitados pela brisa, o ruído dos tachos da avó, o balido da cabra que tinham na quinta. Recorda, ainda, a fervilhante cidade de Homs com as ruas apinhadas de pessoas, a mesquita e o grande souk, tempos antes de as bombas começarem a cair, cuspidas do céu, e de todas serem obrigadas a fugir.

Quando o sol nascer, pai, filho e as outras pessoas que estão naquela praia, pegarão nos seus pertences para embarcarem numa viagem perigosa através do mar em busca de um novo abrigo.

Para ler um excerto desta obra, clique sobre a capa do livro.

Sobre o autor:

Khaled Hosseini nasceu em Cabul, no Afeganistão, em 1965, onde viveu até aos 11 anos, filho de um diplomata e de uma professora de Literatura.

Quando o seu pai foi convidado a trabalhar na embaixada afegã em França, a família mudou-se para Paris. O seu regresso estava previsto para 1980, mas por essa altura, já o Afeganistão sofria a invasão soviética e um sangrento golpe de estado, pelo que a família Hosseini é obrigada a pedir asilo político aos Estados Unidos.

Mudam-se então para San Diego e é lá que tira o curso de Medicina, na Universidade da Califórnia. Em 1993 começou a trabalhar como médico interno e em 1996 como físico.

Em 2001 escreveu o "Menino de Cabul", o seu primeiro romance, que está a ser adaptado ao cinema.